quinta-feira, 11 de abril de 2013

Dia Internacional do Livro Infantil

       No dia 2 de abril celebra-se o Dia Internacional do Livro Infantil. Com este dia pretende-se não só homenagear o escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, nascido neste dia em 1805, mas também convidar os mais jovens à leitura. 

      Hans Christian Andersen é autor de algumas das histórias para crianças mais lidas em todo o mundo: O Patinho Feio, A Pequena Sereia, A Roupa Nova do Rei e A Polegarzinha. A data é celebrada, desde 1967, por iniciativa do Conselho Internacional sobre Literatura para os Jovens (IBBY - International Board On Books for Young People) que, em Portugal, é representada pela Associação Portuguesa para a Promoção do Livro Infantil e Juvenil (APPLIJ). Este ano, esta data foi assinalada com a criação de um cartaz cujo tema é "A alegria dos livros à volta do mundo".



Bookjoy Around the World

We can read, you and I.
See letters become words,
and words become books
we hold in our hands.
We hear whispers
and roaring rivers in the pages,
bears singing
funny tunes to the moon.
We enter spooky gray castles,
and in our hands flowering trees climb
to the clouds. Bold girls fly;
boys fish for sparkling stars.
You and I read, round and round,
bookjoy around the world.


Poem by Pat Mora
Alegria dos livros à volta do mundo

Lemos juntos, tu e eu.
Vemos que as letras formam palavras
e as palavras se transformam em livros
que seguramos na mão.
Ouvimos murmúrios
e rios agitados correndo pelas páginas,
ursos que cantam à lua
melodias divertidas.
Entramos em castelos misteriosos
e das nossas mãos crescem árvores em flor
até às nuvens. Vemos meninas corajosas que voam
e rapazes que pescam estrelas cintilantes.
Tu e eu lemos, dando voltas e mais voltas,
alegria dos livros à volta do mundo.

Pat Mora (trad. Maria Carlos Loureiro)




 E porque “De pequenino se torce o pepino”  é muito importante incentivar os mais pequeninos a ler, pois a leitura abre horizontes para mundos novos, permite-nos viajar, sonhar, voar…

  No nosso Agrupamento não podíamos deixar de assinalar esta data pelo que convidámos os mais pequeninos a ouvirem uma história contada pelos colegas mais velhos do 2º e 3º ciclos (Voluntários da Leitura). A equipa do projeto Eco-Escolas também se associou à iniciativa, por forma a sensibilizar os nossos alunos sobre a importância e proteção da floresta autóctone. 

Aqui deixamos o registo dessa atividade.



Sem comentários:

Publicar um comentário